A deputada estadual Betânia Almeida (PV) protocolou a Indicação nº 164/2021 sugerindo ao Governo de Roraima a criação de uma sala exclusiva para atendimento de crianças e adolescentes no Instituto Médico Legal (IML).

A elaboração da proposição, segundo a parlamentar, foi feita com base nas informações obtidas pela Sociedade Internacional de Prevenção ao Abuso e Negligência na Infância, na qual afirma que 12% das 55,6 milhões de crianças brasileiras menores de 14 anos são vítimas, anualmente, de alguma forma de violência.

“São 6,6 milhões de crianças agredidas, construindo uma média de 18 mil crianças vítimas por dia. Em Roraima, os índices de criminalidade contra elas já se tornaram constantes e acredito que é necessário que se tenha um espaço reservado para atender público”, informou.

De acordo com Betânia, a sala apartada será destinada ao exclusivo atendimento de crianças e adolescentes que se valerão dos serviços prestados no IML.

“Serão realizados para esse público os exames de corpo de delito, de conjunção carnal, sexológico e de violação. Com isso o Instituto tornará o atendimento menos traumático e prevenir uma nova vitimização da criança e adolescente”, concluiu Betânia.

Confira na íntegra, as Indicações e Projetos de Lei de autoria da deputada Betânia Almeida (PV):

Ano 2019:
PLs e Indicações
(aqui)

Ano 2020:
PLs (aqui) e
Indicações (aqui)

Ano 2021:
PLs (aqui) e Indicações (aqui)

Por Ascom/DBA