A deputada Betânia Almeida (PV), presidente da CPI da Energia disse hoje, 14, que a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga os aumentos na conta de energia e a qualidade do fornecimento em Roraima deve concluir o relatório e enviar cópia ao Ministério Público de Roraima (MPE-RR).

Segundo a parlamentar, a Comissão já passou da fase de oitivas e agora está concluindo a parte de investigação. “Em breve o relatório será apresentado, inclusive cópia será enviada ao Ministério Público de Roraima (MPE-RR)”, enfatizou a deputada.

“O que as informações nos mostram é que muita gente, que se elegeu e reelegeu com essa situação [problema de energia], prefere que tudo fique como está, pois a situação  caótica favorece seus planos. Estamos trabalhando contra esses interesses e não é fácil. A solução depende de união”, reforçou.

Para Betânia o que impede a chegada do linhão de Tucuruí à Roraima, vai além das desculpas ambiental e indígena. “Esse linhão atravessa boa parte da Amazônia, passando por florestas, reservas e comunidades indígenas, sem problema. Mas quando é pra chegar a Roraima o meio ambiente e os indígenas são usados como culpados pelo impedimento, o que não acredito”, comentou.

“Algumas pessoas que estão milionárias explorando a nossa energia, oferecendo um péssimo serviço e cobrando um preço absurdo. São as responsáveis pelas dificuldades que impedem uma rápida solução do problema.”

Deputada Betânia Almeida (PV)
Presidente da CPI da Roraima Energia

Confira na íntegra, as Indicações e Projetos de Lei de autoria da deputada Betânia Almeida (PV):

Ano 2019:
PLs e Indicações
(aqui)

Ano 2020:
PLs (aqui) e
Indicações (aqui)

Ano 2021:
PLs (aqui) e Indicações (aqui)

Por Ascom/DBA